16/12/2010

Sites de descontos e preço de balcão em restaurantes

O Allez, Allez é um restaurante que tem lá seus méritos. Mas já teve dias melhores, parece.

É que é bem difícil se diferenciar na Vila Madalena. Tudo tem mais ou menos a mesma cara: ou é bar, ou é bistrozinho. A clientela do bairro, por maior que seja, vai se dividindo entre os endereços que se multiplicam e, assim, minguando em cada um deles. A menos que, poderoso, o bistrô tenha sua própria clientela e, nesse caso, não depende da localização.

Outro dia fui comer no Allez Allez e não me saiu da cabeça uma constatação. Há oferta de magret de canard e de confit de canard. Qualquer um a R$ 65,00. Bom, fazendo os cálculos, um pato renderia, vendido à mesa, R$ 260 – e inda sobrariam uns pedaços que poderia ser utilizados numa salada de pato, ou arroz de pato.

Pois bem, por coincidência, no mesmo dia, fui ao Sta. Luzia e vi que um pato inteiro custa, lá, R$ 30. Então o Allez Allez anda multiplicando a matéria-prima principal por 8,6 vezes?????

É um despropósito? Claro que é! É fácil entender que os custos são altos, e quanto menos público mais altos os custos relativos. Acontece que, nesses casos, os restaurantes estão começando a apelar para os sites de descontos. Clichon, Peixe Urbano, Clube Urbano, Clube do Desconto, e mais algumas dezenas deles. Eles garantem um mínimo de público pagante.

Mas eles impõem um desconto forte nos preços de cardápio. Parece então, ao cliente, uma enorme vantagem se associar. Mas é preciso ver que, na contramão dessa tendência, o velho cliente vai assumindo a feição daquele pato que paga o pato da história. É ele que paga R$ 65, na mesa, o confit ou o magret. Para os associados dos sites de desconto, esse preço cairá provavelmente para algo em torno de R$ 40.

E eis a lógica perversa: ou você reserva seu hotel através de agência e paga comissão ou, ao contrário, pagará uma “tarifa de balcão” escorchante. Essa lógica chegou aos restaurantes, a julgar pelo Allez Allez.

5 comentários:

Gabriel Leicand disse...

Ou o restaurante ou hotel só coloca um prato de baixa saída ou um dia de baixa ocupação a disposição nos sites de compra coletiva, assim, mantém os clientes tradicionais e tem um giro maior de caixa ainda divulgando a casa.

cjadas disse...

Apenas uma pequena observação. Sou cadastrado em vários sites de descontos e não existe qualquer taxa de adesão ou comissão. Por exemplo, tomei vários sorvetes de R$ 10,00 na Vipiteno pagando R$ 4,50 por meio de um destes sites.
Mas que os restaurantes em SP perderam a noção de realidade quanto aos preços, isso perderam mesmo.

Jessi disse...

Esses sites com desconto são uma boa, mas eles sempre chutam o preço lá em cima né... Nunca é a real. Mesmo assim sempre vale a pena e voce realmente não paga nada. Falando em preços de balcão... tem restaurantes que cobram um absurdo para entrega de comida. Tipo o Mc ou o Habib's. mais de 5 reais. Tem um site, o WWW.JUST-DELIVERY.COM.BR que tem vários restaurantes com entrega em sp. Na maioria tem um mínimo para pedir e não cobram taxas... De boa.

@line disse...

bem legal, eu gosto mto de agregadores tipo o pede.biz que tem varios sites em um na vdd neh rs
bj

Lisa disse...

Agora existe o TABLESPOTS (www.tablespots.com.br)

Dá pra fazer reservas em restaurantes e sempre ganhar 30% DE DESCONTO em cima da conta final. Eles começaram só com alguns poucos restaurantes em SP, mas estão aumentando o número de restaurantes bem rápido!

Postar um comentário